Home / Controle Tecnológico / Supervisão de Obras Rodoviárias: Do Campo ao Escritório

Supervisão de Obras Rodoviárias: Do Campo ao Escritório

Apesar de desafios sociais e políticos, o brasil tem grande potencial de crescimento econômico, pois possui recursos naturais e insumos que permitem o desenvolvimento e produção e caminha para uma grande evolução científica e tecnológica.

De acordo com indicadores da organização para cooperação e desenvolvimento econômico (OCDE), a economia brasileira apresenta aumento constante e o país tem forte tendência de recuperação da economia pós pandemia.

Esse crescimento demanda infraestrutura básica para circulação segura de pessoas e transporte eficiente de mercadorias, insumos e matérias prima.

Sendo assim, o desenvolvimento econômico  do país, traz uma necessidade muito grande de incremento das infraestruturas básicas. Pode-se dizer que:

Infraestrutura é um conjunto de equipamentos que, geralmente são responsáveis pelo crescimento social e econômico de certas regiões e até mesmo do país inteiro.

Tais equipamentos se dividem em:

  • Transportes;
  • Saneamento;
  • Energia; e
  • Telecomunicações.

A Infraestrutura de Transportes por sua vez, são os equipamentos que permitem a população exercer o seu direito de ir e vir, seja:

  • Por terra;
  • Pelo Ar; e
  • Pelo Mar.

Por meio de:

  • Rodovias;
  • Ferrovias;
  • Portos; e

As rodovias são de grande importância para o país, pois o transporte rodoviário é responsável por cerca de 60% do transporte de cargas e por 96% do transporte de passageiros. Por isso possui grande relevância na economia, sendo fundamental para o funcionamento de milhares de empresas.

Sendo assim, o desenvolvimento rodoviário está, portanto, intrinsicamente ligado ao avanço econômico do país!

Mais do que a construção de novas rodovias, o desenvolvimento rodoviário está constantemente presente na melhoria das vias já existentes, em atividades de:

  • Manutenção;
  • Reparos; e
  • Ampliação.

Com isso, a Engenharia Rodoviária acompanha, possibilita e incentiva o crescimento econômico do país, o que torna possível afirmar o seguinte:

 

Se o Brasil precisa das Rodovias, então o Brasil precisa da Engenharia Rodoviária

 Engenharia rodoviária é uma disciplina que se ramifica da engenharia civil que envolve o planejamento, projeto, construção, operação e manutenção de estradas, rodovias, pontes e túneis para garantir o transporte seguro e eficaz de pessoas e mercadorias.

Apesar de toda essa importância, entre 2009 e 2019, a malha viária pavimentada cresceu apenas 0,5%.

Pelo que foi exposto, fica claro que há uma grande necessidade de investimentos no setor rodoviário brasileiro.

Segundo o Ministério da Infraestrutura, há uma previsão de mais de 259 bilhões de reais a serem investidos na infra brasileira, sendo destes, 156 bilhões de reais a serem investidos em rodovias (verificar em https://www.gov.br/infraestrutura) . A figura abaixo ilustra os investimentos previstos.

 Fonte: https://www.gov.br/infraestrutura

Com toda a necessidade de crescimento das rodovias e com todos esses investimentos que vão gerar milhares de empregos, é possível afirmar que:

Em relação ao futuro próximo, a engenharia Rodoviária já pode ser considerada A Mina de Ouro do Mercado de Trabalho

 Um dos setores que mais crescem atualmente na Engenharia Rodoviária é a SUPERVISÃO DE OBRAS.

Antes de falar sobre supervisão, é importante saber que:

Obras Rodoviárias, são serviços que, em geral são caros, importantes para a população, importantes para a economia e por isso requerem excelência na construção, para serem:

  • Duráveis;
  • Eficientes; e
  • Confortáveis; e
  • Seguras.

 Esse tipo de obra requer um acompanhamento rigoroso na construção, pois a maioria dos problemas ficam enterrados.

Supervisão é a ação e o efeito de supervisionar, isto é, fazer a inspeção de um trabalho ou de uma tarefa realizada por outra pessoa

A supervisão busca auxiliar o contratante a gerenciar o processo executivo do empreendimento. A supervisora de obras é composta por uma equipe multidisciplinar ou por especialistas de modo a garantir que cada etapa da obra seja executada conforme projetado;

Suas principais funções são garantir a qualidade, o prazo e o orçamento destinado para a obra.

Como estão divididas as atividades de supervisão?

As atividades de supervisão de obra, estão divididas em:

  • Serviços de campo;
  • Serviços de escritório; e
  • Interface com o cliente.

Serviços de campo

Os serviços de campo são atividades realizadas na obra que:

  • Verificam a qualidade da execução;
  • Verificam a qualidade dos materiais;
  • Verificam os equipamentos utilizados;
  • Verificam a aplicação dos procedimentos de Segurança Operacional e Meio Ambiente

Serviços de Escritório

 

Os serviços de escritório  gerenciam o andamento da obra, por meio de:

  • Relatórios;
  • Gráficos;
  • Documentação de apoio em geral.

Várias são as atividades desenvolvidas por uma supervisora de obras, dentre as quais:

  • Monitoramento e acompanhamento dos serviços;
  • Verificação do cumprimento das normas técnicas;
  • Verificação do cumprimento das normas de segurança;
  • Assessoramento da equipe de fiscalização na supervisão técnica e aprovação dos serviços
  • Análise e assinatura das planilhas de quantidades executadas;
  • Atesto e liberação de medições;
  • Realização de ensaio de controle tecnológico;

Além disso, apoia a equipe do cliente para:

  • Preparação de documentos técnicos e pareceres para apresentação perante os diversos órgãos de controle e entidades intervenientes, sempre quando solicitado;
  • Acompanhamento do Livro de Ocorrências ou Diário de Obras;
  • Execução dos controles geométricos e tecnológicos dos serviços realizados pelas construtoras;
  • Acompanhamento da implantação das medidas mitigadoras;
  • Acompanhamento das condições de segurança viária e dos usuários durante as obras, incluindo os desvios de tráfego
  • Preparação de relatório fotográfico.

A supervisora de obras começa suas atividades bem antes do início das obras, por meio de:

Controle Geotécnico dos Materiais

Controle de Campo

Obras de infraestrutura em geral, devido a suas grandes dimensões requerem o apoio indispensável das ferramentas topográficas, elas irão servir para locar o eixo das vias, as elevações dos elementos e locação e cotas dos dispositivos de drenagem.

Além disso, as atividades de campo abrangem:

Os materiais produzidos podem ser divididos em:

Mas não acaba por aí.

Além dos trabalhos de campo para acompanhamento das obras, a supervisora também realiza trabalhos em escritório que são extremamente importantes para a continuidade do projeto.

Além disso, a interface com o cliente é crucial.

É importante que a supervisora de obras mantenha o cliente sempre informado sobre as atividades, informando sobre:

  • Status da obra;
  • Percentual de avanço da obra;
  • Atualização sobre os avanços do orçamento;
  • Existência de interferências
  • Motivos de paralisações (caso ocorra);
  • Não conformidades ocorridas; e
  • Não conformidades resolvidas.

A supervisão de obras é indispensável para garantia da qualidade do empreendimento.

Quer saber mais sobre o assunto, então conheça o Curso Supervisão de Obras Rodoviárias: Do Campo ao Escritório clicando AQUI.

 

Gostou do artigo? Então comenta e compartilha com os amigos.

Sobre Ricardo Venescau

Engenheiro Civil, mestre e doutorando em Engenharia de Transportes. Apaixonado por Engenharia Rodoviária

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *